Primeiro Corpo ~ Veios

27.


Entre a flecha e o alvo habitam os corvos,
as mão que tecem teias, as vozes
desnorteadas dos afogados.


Por isso, a flecha perscruta no alvo
a segura estadia de iluminados olhos.
Anúncios
Esta entrada foi publicada em Corpo de Árvore ~ Primeiro corpo ~ Veios com as etiquetas , , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s